• Sorveteria Ideal

Você sabe quando as luvas descartáveis devem ser utilizadas?

Pois errou quem pensou que é sempre! Se não forem usadas de maneira correta, as luvas tornam-se fontes de contaminação!

Costumamos observar no dia-a-dia que algumas pessoas confundem conceitos básicos sobre higiene e por isso resolvemos escrever este artigo. Para você não se deixar enganar e evitar uma falsa impressão de segurança, é fundamental entender melhor como e quando a utilização das luvas é recomendada ou não.


Com luvas ou sem luvas, o mais importante é saber que higienizar as mãos é fundamental e indispensável!


Voltando para a questão sobre a utilização de luvas, em linhas gerais, se os alimentos forem manipulados com utensílios (talheres, pegadores etc), as luvas são desnecessárias. As luvas também podem ser dispensadas para manipular alimentos que ainda serão submetidos a algum processo de cozimento, já que as altas temperaturas são suficientes para eliminar os patógenos que possam existir. Além disso, para evitar risco de acidentes e lesões físicas, recomenda-se que as luvas feitas de látex, vinil ou borracha nitrílica não sejam utilizadas em áreas quentes (fogões, chapas, churrasqueiras ou fritadeiras) e ao operar máquinas.


Por outro lado, luvas descartáveis devem ser utilizadas durante as atividades de limpeza ou de remoção de lixo e também para manipular alimentos que já estiverem prontos para o consumo e desde que eles tenham que ser manipulados diretamente com as mãos, por exemplo, para montar saladas já higienizadas, montar sanduíches, cortar pães, arrumar as batatas fritas no prato do cliente etc.


Ainda assim, é preciso seguir algumas orientações muito importantes:

  • é fundamental higienizar as mãos antes de vestir as luvas e também após retirá-las;

  • apesar de serem utilizadas com muita frequência, especialmente em feiras gastronômicas e food trucks, a luva na cor preta não é uma boa opção para a manipulação de alimentos, pois sua cor escura esconde a sujeira e dificulta a visualização do mau estado de uso e conservação;

  • as luvas devem ser trocadas com frequência;

  • as luvas também precisam ser substituídas entre uma atividade e outra ou sempre que houver o comprometimento de sua integridade (ex: furos, cortes ou rasgos);

  • luvas descartáveis não podem ser reaproveitadas nem utilizadas mais de uma vez, muito menos por pessoas diferentes;

  • é preciso tomar cuidados especiais em relação à contaminação cruzada, por exemplo, ao utilizar luvas de látex, já que este material pode desencadear reações alérgicas severas em algumas pessoas.


Sobretudo vale mencionar que existem diversas regulamentações a respeito da manipulação de alimentos, dentre as quais cabe destacar: Portaria CVS 5/2013 (art. 12), Resolução 275/2002, Resolução 267/2003, Resolução 216/2004 e cartilha, Resolução 266/2005.


Por isso todos os funcionários da Sorveteria Ideal, sem distinção de cargo ou função, recebem orientações específicas sobre a regulamentação sanitária e as boas práticas para manipulação de alimentos; e para avaliar o entendimento e a compreensão, todos respondem um questionário sobre estes conceitos. Adicionalmente, dentre outras medidas, mantemos uma supervisão rígida de toda nossa equipe e exigimos que os nossos fornecedores também sigam rigorosamente todos os protocolos.


Por fim, cabe destacar que aqui na Sorveteria Ideal nós somos inspecionados por fiscais da Vigilância Sanitária (municipal e estadual), da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

19 visualizações

Posts recentes

Ver tudo